Quais os efeitos colaterais da Radioterapia?

A Radioterapia é um tratamento utilizado normalmente para tumores malignos mas algumas vezes pode ser realizado para tratar tumores benignos. Com a radioterapia é utilizada a radiação ionizante, que destrói e/ou impede o desenvolvimento das células cancerígenas. Este é um dos tratamentos mais utilizados para tratar o câncer. 

De acordo com a American Society of Radiation Oncology (ASTRO) a radioterapia é utilizada para dois a cada três pacientes oncológicos. Dependendo da onde o tumor está localizado, a radioterapia pode ser utilizada de forma interna ou externa. 

Como qualquer outro tratamento, a radioterapia também pode trazer efeitos colaterais que estão ligados diretamente a área do corpo onde o tumor se encontra. Por exemplo: se o tratamento for realizado no tórax, o paciente pode sentir dificuldade na ingestão de alimentos, se for realizada no abdomen, o paciente pode sentir náuseas e vômitos. Os sintomas surgem normalmente após a terceira sessão. Os efeitos colaterais mais comuns são: 

- Perda de apetite; 

- Cansaço / fadiga; 

- Vômitos e náuseas; 

- Região da pele irritada; 

- Dificuldade na mastigação e deglutição de alimentos; 

- Queda de cabelo; 

- Diarréia; 

- Redução de glóbulos vermelho no organismo. 


Como o paciente pode controlar os efeitos colaterais? 

Para sintomas de perda de apetite, é indicado que o paciente evite comidas ácidas e picantes. O mais indicado é que haja uma alimentação rica e saudável, com ingestão de alimentos leves e bastante líquidos. A diarréia também pode ser um sintoma comum mas há alguns medicamentos que podem ser administrados para evitar esse efeito colateral. 

Durante todo o tratamento oncológico o cansaço e fadiga podem ser bastante comuns já que o seu corpo está trabalhando para reagir ao tratamento. Há também a redução dos glóbulos vermelhos, neste caso é indicado realizar exames de sangue frequentemente. Atividades físicas leves e descanso regular podem ser favoráveis para o processo de recuperação. 

Quanto as náuseas e vômitos, seu oncologista pode receitar algum medicamento para controle deste sintoma. 

Ao longo de todo o tratamento, a região da pele em que está sendo direcionada a radioterapia pode ficar bastante sensível, apresentando sinais leves de queimadura, vermelhidão, ardência, coceira e em alguns casos pode haver a descamação da pele. É recomendado alguns cuidados simples como evitar pegar sol na região ou evitar o uso de perfumes. Durante o seu tratamento, sempre conte com o seu radioterapeuta e equipe multidisciplinar para te auxiliar em todos os cuidados necessários com a sua pele. 

A perda de cabelo é mais comum para pacientes que estão tratamento um tumor na região da cabeça e/ou pescoço. Após a segunda semana de tratamento o corpo pode apresentar os primeiros sinais de queda de cabelo. É comum que após o tratamento o cabelo volte a nascer normalmente, para mais explicações você poderá falar abertamente com o seu radioterapeuta. 

Em todos os casos, é necessário que o paciente fique atento aos sintomas e relate ao médico responsável caso note alguma coisa estranha. A equipe multidisciplinar irá tomas todas as providências necessárias para que você se sinta confortável ao longo de todo o tratamento. 


Preencha o formulário com seus dados e selecione o melhor dia da semana e horário para ser atendido. Entraremos em contato com você para agendar uma data para o seu atendimento. Este formulário é apenas um pré-agendamento, aguarde nosso contato para confirmação.


Em 12 anos de história a equipe Santé vem transformando e restaurando vidas. Contamos com uma equipe especializada em cuidado humanizado. Se você se identifica com o nosso propósito, venha construir o seu futuro conosco.

Curriculum Vitae

Você pode arrastar o seu curriculum para dentro do espaço delimitado
ou procurar nos seus arquivos

Procurar...