Conheça quais são os tipos de câncer de pele

O câncer de pele é responsável por cerca de 33% de todos os diagnósticos positivos no Brasil. De acordo com o INCA (Instituto Nacional Do Câncer) a cada ano é registrado cerca de 185 mil novos casos. 
Existem 3 principais tipos de câncer de pele, sendo eles: carcinoma basocelular, carcinoma espinocelular e melanoma maligno. 

Todos os 3 tipos citados acima são considerados câncer mas são divididos em categorias diferentes, sendo elas: 

- Câncer de pele não-melanoma: Nesta categoria está incluso o carcinoma basocelular e espinocelular. Normalmente são tumores benignos e possuem maiores chances de cura com o tratamento correto. 

- Câncer de pele melanoma: Nesta categoria temos apenas o melanoma maligno. Ele é o tipo mais perigoso e possui menores chances de cura, principalmente se for identificado em uma fase mais avançada. 

Caso note alguma alteração na pele como: Área que muda de cor, formato, alteração de tamanho em pintas ou manchas, busque um dermatologista para uma análise avançada. 

Carcinoma basocelular 

O carcinoma basocelular é um tipo de câncer menos agressivo porém é o mais frequente. Ele é responsável por 95% dos casos. Geralmente seus primeiros sinais são: surgimento de mancha rosa na pele, que cresce lentamente. É mais comum em pessoas de pele clara, após os 40 anos. Seu surgimento se dá pela alta exposição solar ao longo da vida. 

Esse tipo de câncer pode surgir em locais mais expostos ao sol como: rosto, orelhas, pescoço e couro cabeludo mas pode surgir em outras partes do corpo também. 

Para se proteger é necessário fazer o uso do protetor solar diariamente e reaplicar nos momentos corretos. 

Carcinoma espinocelular 

O carcinoma espinocelular é o segundo tipo mais comum e surge com maior frequência em homens. Sua aparência tem uma forma de nó, se desenvolve de forma rápida e surge uma casca na parte de cima. 

Este tipo de câncer se desenvolve devido à exposição solar excessiva, podendo surgir em pacientes que realizam tratamentos com quimioterapia e/ou radioterapia, ou pessoas com problemas crônicos de pele. Esse câncer se desenvolve em locais com alta exposição solar e em locais onde a pele está mais envelhecida como por exemplo, locais com rugas e com perda de elasticidade. 

Para se proteger, o uso do protetor solar diariamente é fundamental. Além disso, evitar fumar e se expor a substâncias tóxicas é essencial. 

Melanoma Maligno 

Este é o tipo de câncer de pele mais perigoso. Normalmente ele surge com uma pinta escura, ao longo do tempo essa pinta vai se transformando. Se não for identificado de forma precoce pode ser fatal já que seu desenvolvimento é rápido e pode atingir órgãos. 

É comum que se desenvolva em locais que se expõe bastante à luz solar como: rosto, couro cabeludo, ombros e orelhas. Pessoas com pele muito clara devem estar atentas. Para se proteger é necessário utilizar protetor solar diariamente e estar atento (a) em algumas alterações na pele e pintas. 


Uma vez que algum desses sinais surjam, busque auxílio imediato de um dermatologista qualificado. O câncer de pele, como outros tipos de câncer, se identificado em fase inicial possui maiores chances de cura. Durante o verão, reforce ainda mais a sua saúde e da sua família. Saiba como se proteger clicando aqui


Preencha o formulário com seus dados e selecione o melhor dia da semana e horário para ser atendido. Entraremos em contato com você para agendar uma data para o seu atendimento. Este formulário é apenas um pré-agendamento, aguarde nosso contato para confirmação.


Em 12 anos de história a equipe Santé vem transformando e restaurando vidas. Contamos com uma equipe especializada em cuidado humanizado. Se você se identifica com o nosso propósito, venha construir o seu futuro conosco.

Curriculum Vitae

Você pode arrastar o seu curriculum para dentro do espaço delimitado
ou procurar nos seus arquivos

Procurar...